Os descontentes que se mudem.

Ontem li na timeline de uma amiga o comentário de um bolsonarista ao seu post (acima, na imagem). Em suma, o sujeito dizia que se ela não estava contente com a situação do país, que saísse, que a porta estava aberta.

Imagino então que ele sim esteja contente com a situação do país: violência contra todos, burrice generalizada no governo, desastres ambientais anunciados e não anunciados, subversão da ordem democrática e demonização do “inimigo” (qualquer pessoa com um mínimo de senso comum é um comunista). 

Nem preciso dizer que o comentário era de um homem branco de uns 60 anos (pode ser menos, mas os homens brasileiros gostam de se acabar antes da hora, é signo de macheza), de classe média, provavelmente com diploma, descendente de alemães. Ou seja, um bolsonarista quase beirando o clichê. (Eu sei, não se pode generalizar: eu também sou um homem branco de meia-idade). 

O que mais me impressionou no tom do sujeito foi o rancor, a raiva magoada, de quem realmente não está de bem com a vida, e acha que o mundo é mesmo uma merda, e que se alguém está reclamando tem de ir embora. Lembrou-me uma vez que estávamos na Paulista com uns estudantes holandeses e um homem velho veio brigar conosco porque estávamos felizes demais. Essa raiva magoada estava presente ali também. Os jovens holandeses tem um jeito especialmente relax e feliz, além de serem lindos, é claro. Acho que tudo isso o irritou. E agora estas pessoas estão no poder e acham que quem não pensa como elas tem de ir embora.

Pois bem, temos de clamar nosso país feliz, temos que clamar o direito dos jovens de serem quem são, de falarmos abobrinha, de rirmos, de gargalharmos. O verde e amarelo não é deles, é nosso! Termos que afirmar o direito de as pessoas serem felizes e realizarem seu potencial humano através da educação, da saúde e da moradia dignas. Esse país atrasado, armado até os dentes, sem educação e sem respeito pelo diferente não é o Brasil de verdade. Digo isso porque precisamos urgentemente de visões inspiradoras de um futuro para o qual possamos todos trabalhar juntos. Bolsonaro não tem nenhuma visão de futuro, e essa eh a sua grande fraqueza. 

Como esse senhor emburrado que comentou o post da @Marianne, Bolsonaro há de passar. Um dia ele passará e quando esse dia chegar, vamos dar uma festa linda.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.